A Agenda 2030, plano de ação criado pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 2015, tem uma lista com 17 objetivos para o desenvolvimento sustentável e a meta de que sejam atingidos até 2030. A meta número sete da lista é “energia acessível e limpa”, como forma de estimular a transição da matriz energética mundial, reduzir o custo e ampliar o acesso às energias renováveis. 

O Brasil é um dos grandes líderes no crescimento do mercado de energia limpa, principalmente pela vasta disponibilidade de recursos renováveis em seu território. Atualmente, está em terceiro lugar no ranking mundial de geração de energia renovável, estando atrás da China e dos Estados Unidos

Além de contribuir muito para o meio ambiente, sendo crucial para a redução da poluição, as energias renováveis também têm um papel fundamental na economia, pois atuam diretamente na geração de empregos. 

A ampliação do mercado de energias limpas abre muitas oportunidades de empregos nas mais diversas áreas, e promovem o crescimento econômico nas regiões onde as usinas são instaladas. De acordo com a Agência Internacional de Energia Renovável (IRENA), foram geradas 1,12 milhões de vagas em 2018, e a tendência é que esse número continue crescendo. Os relatórios apontam que poderão ser gerados 29,5 milhões de empregos até 2030. 

Categories:

Tags:

No responses yet

Deixe um comentário