O aumento da produção e dos lucros nem sempre acontece de forma paralela no agronegócio. Quanto maior o rendimento, maior é o consumo energético. Como consequência, a conta de luz vem ainda mais cara e parte do lucro é direcionada mensalmente para o pagamento. 

A única maneira de conseguir ampliar os lucros e garantir que acompanhem o crescimento do agronegócio é com a geração da própria energia. Ao adquirir o sistema, o proprietário consegue reduzir em até 95% o gasto com a conta de luz. Não demora para que o valor economizado seja maior que o investido no sistema. 

No Brasil, a energia solar é muito eficiente pois há muitas horas diárias de exposição ao sol durante quase todo o ano. Além disso, a instalação dos painéis não exige grandes transformações na propriedade e podem ser instalados tanto no solo quanto em telhados. 

Outra vantagem é o acesso às linhas de financiamento exclusivas para o agronegócio. Atualmente, a aquisição de um sistema de energia solar na produção rural é incentivada e facilitada. Os acordos são feitos com base nas necessidades do proprietário, de forma que o investimento possa ser quitado no melhor momento e sem que as parcelas pesem no bolso. 

Categories:

Tags:

Comments are closed